Pedro Proença

Obras do Artista

Curriculum

Pedro Proença nasceu em Lubango, Angola, em 1962. Já em Lisboa, após frequência dos cursos livres da SNBA (1980/82), onde estuda com João Vieira.

Considerado um dos artistas mais notáveis da arte contemporânea portuguesa, Pedro Proença começou desde muito cedo a desenhar, dedicando-se, com apenas 13 anos, à banda desenhada.

Candidatou-se ao curso de Arquitectura na Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa (ESBAL), aconselhado pela família, mas falhou o ingresso. Inscreveu-se então nos cursos livres da Sociedade Nacional de Belas-Artes (SNBA) manifestando já um interesse pelo acaso e pela herança dadaísta. Na instituição, para além de se sentir atraído ao mesmo tempo pelas questões conceptuais e pela pintura, conhece um professor que o marcará muito: o pintor João Vieira. De regresso à ESBAL, já no curso de Pintura, começou a intervir no espaço da universidade.

Começa a expôr em exposições colectivas a partir de 1981. Em 1982, com Pedro Portugal, Manuel João Vieira, Fernando Brito, Ivo e Xana, funda o Movimento Homeostético, mas só em 1983 fazem a primeira exposição de grupo acompanhada de múltiplos eventos. Nesse mesmo ano, ganhou o Prémio Nadir Afonso (seria ainda Menção Honrosa no Festival Cagnes-sur-Mer e obteria depois vários outros prémios: Prémio Aquisição V Trienal da Índia em 1985, o Prémio União Latina em 1992, o Prémio Eixo-Atlântico em 1996 e o 1º Prémio do Salon de Otoño de Plasencia, 1997).

Expondo individualmente desde 1984, a sua carreira tem mantido uma constante criativa que vai da pintura e do desenho à poesia, narrativa, prosa ensaística e até ao registo do manifesto (assinou vários dos manifestos do Movimento Homeostético).

Ver Curriculumpdf-icon